Pesquisa

ICB

Login: Senha:

Revista Bio ICB

Twitter

Carregando os dados do twitter...


Home » Revista Bio ICB » Matérias Anteriores » Pesquisador de Petróleo e Gás: responsável por análises do solo do fundo do mar

Pesquisador de Petróleo e Gás: responsável por análises do solo do fundo do mar

Por Pablo Vinicius de Souza

A exploração de gás e petróleo em alto mar depende de muitas análises do solo, feitas por profissionais especializados, que utilizam equipamentos e alta tecnologia para verificar amostras colhidas em águas profundas. Meu trabalho como um surveyor compreende desde a pesquisa até a exploração de Petróleo e Gás.

Na área de pesquisa, nós fazemos a coleta de sedimento do fundo do mar onde nós damos a granulometria, para verificar a cor do solo e que tipo de solo que é: argila, areia, matéria orgânica, etc.

Também usamos um equipamento onde vemos a quantidade de Gás que há no solo em PPM/Vol (isso quando tem Gás) e usamos um outro equipamento chamado fluroscópio, onde vemos se possui manchas de óleo no solo. Também trabalhamos com equipamentos onde se é possível fazer uma gravação do que está abaixo do solo e essa gravação pode ser feita em 2D ou em 3D com equipamentos chamados de SUB BOTTON, SIDE SCAN, MULT  BEAN etc.

Essa pesquisa é necessária para sabermos que tipo de terreno nós temos, para averiguar a existência de Petróleo e Gás naquele terreno.

Na área de exploração, nós trabalhamos nas campanhas dos chamados RIG MOVE (movimentação de plataforma de perfuração), no lugar em que a empresa vai perfurar o solo para fazer o poço de onde o petróleo e o Gás serão extraídos. Esse nosso trabalho é feito através de DGPS (um diferencial de GPS), onde fazemos o posicionamento da plataforma através de coordenadas em Longitude e Latitude ou em Northing e Easting. Essas coordenadas são passadas para nós pelo cliente e a colocamos no nosso programa de navegação para mostrarmos onde será o futuro poço. Depois disso, geramos um relatório que é analisado pela ANP (Agência Nacional de Petróleo) para verificar se a posição do poço está correta e ainda fazemos cálculos para confirmar essa posição.

A empresa Fugro Brasil, onde trabalho atualmente, também atua no posicionamento de ROV, robôs que vão a profundidades onde nenhum ser humano (mergulhador)  pode chegar por causa da alta pressão da água. Esses robôs fazem filmagens, tiram fotos, fazem testes para dar apoio às plataformas.

Os trabalhos são feitos para empresas como: Shell, Devon, Repsol, Chevron, BG Brasil, Petrobrás etc.

Pablo Vinicius de Souza é formado em Petróleo e Gás pela Universidade Estácio de Sá e trabalha como surveyor para a empresa Fugro Brasil na área de Off Shore.


Instituto de Ciências Biomédicas - Av. Carlos Chagas, 373 - bl.K, 2º andar, sala 35 - Prédio do Centro de Ciências da Saúde

Cidade Universitária, Ilha do Fundão - Rio de Janeiro - RJ, CEP 21941-902

Tels.: 2562-6674/6714 | E-mail:gabinete@icb.ufrj.br